Mulher morre subitamente em motel

Canela – Marinês Pontes de Oliveira, 33 anos, veio a falecer após sentir-se mal e sofrer uma repentina queda, logo após chegar ao apartamento de um motel, na companhia de Alessandro Anselmo Martins, 48 anos, por volta das 21h de sábado.

Ao levantar-se, a vítima apresentou uma ligeira tontura e desequilibrou-se vindo a cair bruscamente, batendo a cabeça contra a “guarda de uma cama”.

Alessandro relatou que a fatalidade ocorreu minutos após chegarem ao local, quando então ela queixou-se de sentir um forte calor e ao levantar-se para retirar a blusa, imediatamente veio a sofrer uma queda brusca de costas.

Alessandro afirmou ainda que rapidamente foi em seu socorro e percebeu que a situação era grave. Imediatamente chamou pelo telefone a recepção para ajudar e acionaram o SAMU. Ele e a recepcionista tentaram reanimar a vítima, que não respondia. Os socorristas do SAMU logo chegaram e após conduzir a mulher numa maca até a ambulância, detectaram o óbito.

A Brigada Militar foi chamada, que por sua vez, acionou a Polícia Civil para realizar o levantamento habitual. Como houve mudança na cena, tendo em vista a tentativa de socorro à vitima feita pelo SAMU, não foi possível realizar a perícia.

Alessandro compareceu à Delegacia, assim como todos os demais envolvidos (funcionários do motel e socorristas) para prestarem depoimentos.

O corpo foi levado ao IML para necropsia e Alessandro também fez questão de ir até Canoas em seu próprio carro com seu advogado, para fazer exames de alcoolemia, lesão corporal, toxicológico, bem como o colhimento de resíduos genético em baixo das unhas.

Abatido com a lamentável tragédia, Alessandro aguarda o desfecho do caso, garantindo que jamais houve qualquer discussão, nem nessa, nem em outros momentos, com a vítima. Diz sentir muito pelo ocorrido e roga a Deus que dê forças à família para superar a perda.

Investigação

 

O caso está sendo apurado pelo delegado Daniel Reschke, titular da DP de Canela. Na tarde de ontem, de maneira informal, o delegado entrou em contato com o médico legista que realizou o exame de necropsia na vítima. “Ele (médico) informou que a causa da morte foi hemorragia intra-craniana, que pode ser compatível com a queda”, destacou. Segundo informado ao delegado, o exame preliminar não evidenciou outro tipo de lesão. Conforme o delegado, durante esta semana deverão ser concluídas as oitivas dos envolvidos e caso haja alguma dúvida com relação à causa morte, poderão ser solicitados novos exames ou pedidos de informação ao legista. Segundo o delegado, não há como afirmar nada, como fez a Brigada Militar, sobre a compatibilidade de um ferimento qualquer em relação a queda apenas olhando para um ferimento. "O que tem muito é bafafá sobre o caso", explicou.


Marinês Pontes de Oliveira

Nota Oficial

Em face do triste episódio ocorrido ontem à noite, que culminou com a morte prematura por acidente em um motel de Canela de uma cidadã, Marinês Pontes de Oliveira, de apenas 33 anos e que envolve Alessandro Martins, figura indissociável ao Jornal Integração pelos seus mais de 10 anos de serviços prestados a este veículo como Diretor Comercial e para maior clareza na divulgação dos fatos, evitando uma distorção que possa causar mal estar às partes envolvidas, na qualidade de Diretor Geral e proprietário da empresa, venho informar, conforme relato do Alessandro, o que segue:

Eram por volta de 20h30min quando os dois chegaram ao motel quando logo em seguida, Alessandro sentado assistindo TV, ela de pé queixa-se de um mal estar e imediatamente cai de costas batendo a nuca no pé da cama. Alessandro vai em socorro e percebe que o acidente foi grave, imediatamente chama a recepção a ajudar e aciona o SAMU. Alessandro e a recepcionista tentam reanimar a vítima, que não responde. Os socorrístas do SAMU chegam e detectam o óbito.

A policia é chamada e vai ao local para fazer a perícia. Alessandro vai à Delegacia, assim como todos os demais envolvidos (funcionários do motel e socorristas) prestar depoimento. O corpo foi levado ao IML para necropsia e Alessandro também fez questão de ir até Canoas em seu carro com o Advogado, para fazer exames, pois inclusive estava totalmente sóbrio, sem ingestão de qualquer quantidade de bebida alcoólica.  

Abatido com a lamentável tragédia, Martins aguarda em casa o  desfecho do caso, garantido que jamais houve qualquer discussão, nem nessa, nem em outros momentos, com a vítima. Diz sentir muito o ocorrido e roga a Deus que dê forças à família para superar a perda.

O Jornal Integração acompanha com isenção a investigação e não se furtará em dar as notícias referentes a tragédia para a maior clareza dos fatos.

Todas as medidas cabíveis em relação a tragédia, inclusive sobre a divulgação distorcida que está sendo dada na grande rede, estão sendo tomadas.

Cláudio Inacio Scherer 

Incêndio destroi casa no Saiqui

Canela - Um incêndio destruiu totalmente uma casa ontem (5) no Saiqui. Segundo Cristiane dos Santos Ramos, o fogo começou em um dos quartos e se espalhou rapidamente. “Eu estava colocando o almoço para as crianças quando vi uma fumaça saindo do quarto, quando fui olhar me assustei, peguei os pequenos e sai para a rua pedindo socorro” relatou Cristiane. O marido Manoel Antônio Passos dos Santos estava trabalhando no momento do incidente.

Alguns vizinhos ajudaram a remover uma geladeira e um sofá antes que as chamas destruíssem a residência de madeira que era alugada.

Os bombeiros foram acionados rapidamente e os populares relataram que a residência já estava em chama quando chegaram ao local. Devido à gravidade da situação e à distância da localidade, foram deslocadas duas viaturas.

Chegando ao local, foi constatado que as chamas já haviam consumido boa parte da casa. Foi desligada a energia elétrica, apagado as chamas e feito o rescaldo.

A família conta com a solidariedade de outras pessoas que puderem ajudá-la, além do casal moravam na casa duas crianças de sete e quatros anos. O telefone para doações é 54. 99184375.

Residência foi destruída em poucos minutos

Foto: Rita Souza

BM lança Bike Patrulha no Natal Luz

Gramado - O 1º Batalhão de Policiamento em Áreas Turísticas (1º BPAT) conta com uma nova modalidade de policiamento no 28º Natal Luz de Gramado, a Bike Patrulha. O policiamento é realizado por quatro Policiais Militares do 3º BOE (Batalhão de Operações Especiais) de Passo Fundo, que estão na região em reforço aos eventos de Natal.

Conforme o capitão Martinelli, do 3º BOE, esta modalidade foi realizado no litoral em duas edições da Operação Golfinho, sendo muito bem vista pela comunidade e apresentando resultados positivos. “Em outubro deste ano foi alinhavado com o comando do 1º BPAT para que a Bike Patrulha fosse colocada em prática aqui na Região das Hortênsias durante o Natal Luz, servindo de subsídios para que seja implantado em outros eventos não apenas em Gramado, mas como em toda a região”, comentou o capitão.

A Bike Patrulha é realizada em duplas, sendo uma forma de suplementação do policiamento. Se adequa ao relevo da área central de Gramado e também é utilizado nos pontos turísticos e durante a realização dos shows do Natal Luz. Entre as suas principais características, o policiamento de bicicleta cobre uma maior área se comparado ao realizado a pé, proporcionando maior agilidade e mobilidade no trânsito. Além disso, pelo menos um dos Policiais Militares de cada dupla é socorrista e carrega material de primeiros socorros para pronto atendimento.

Natal Luz - Já ultrapassado o primeiro mês do evento, novamente, como no ano passado, não foi registrada qualquer ocorrência relacionada ao Natal Luz, isso como resultado direto do policiamento ostensivo e preventivo realizado pela Brigada Militar. Essa é a verdadeira dimensão do trabalho da Corporação nos eventos de Natal na região das Hortênsias.

 

O Policiamento de bicicleta é uma novidade na região das Hortênsias

 

Foto: Angelo De Zorzi


Integracao.Jor.Br


Temos 6 visitantes e Nenhum membro online

Copyright Empresa Jornalística Integração LTDA.